Microcity

Saiba como criar um chatbot para sua empresa em 4 passos

Saiba como criar um chatbot para sua empresa em 4 passos

Começamos este post com um pequeno desafio: tente encontrar uma empresa de prestação de serviços que não possui, atualmente, um serviço online de diálogo com seus clientes. Difícil, não é? A ferramenta já faz parte da realidade de diversos negócios, que aprenderam como criar um chatbot que atenda às suas necessidades.

Com a novidade, fechar negócio e solucionar problemas pode ficar mais fácil e rápido. A satisfação do cliente aumenta. Mas como encontrar as oportunidades ideais para adotar o chatbot estrategicamente? Saiba a resposta para essa pergunta a seguir! Veja, ainda, um breve passo a passo para tirar sua ideia do papel.

 

Um robô conversando com um cliente: o que é e como funciona?

Basicamente, o chatbot é uma tecnologia que se apropria do processamento de dados e da inteligência artificial para criar momentos de interação entre uma máquina e uma pessoa – seja ela cliente, investidor ou empregado.

Na prática, a empresa seleciona um processo interno específico, que é analisado por um programa de computador. Esse software armazena todo o fluxo do diálogo com a pessoa, desencadeando possíveis diálogos. Quanto mais conversas acontecem, mais o sistema é refinado e consegue simular melhor o comportamento humano. Ou seja, a máquina aprende em cada experiência.

Pode parecer uma novidade recente, mas o primeiro chatbot criado no mundo é antigo. O primeiro robô de conversação do mundo foi criado em 1966, no Massachusetts Institute of Technology (MIT). Seu nome era Eliza e sua principal meta era simular a conversação natural por texto.

Quer saber outras possibilidades que a inteligência artificial pode proporcionar? Clique aqui e saiba mais!

 

Chatbot é tendência em todos os mercados

Ainda que seja uma invenção antiga, as potencialidades e usos do chatbot têm sido exploradas comercialmente há menos tempo. O interesse de vários setores por essa ferramenta de inteligência artificial faz sentido se analisarmos o crescimento do uso de apps de mensagem.

Segundo estudo da Mordor Intelligence, consultoria especializada em acompanhar tendências de mercado, mais de 1,4 bilhão de pessoas usaram aplicativos de mensagens no ano de 2018 – mais de 18% da população mundial.

Mas por que essa é uma tendência global? A resposta está nas diversas possibilidades dessa tecnologia. Um chatbot pode ser utilizado, por exemplo, na venda de produtos, solução de problemas técnicos, resposta a perguntas frequentes ou até mesmo no auxílio de diagnóstico médico.

A Samsung, por exemplo, conseguiu alcançar em 2018 mais de 3 milhões de usuários ativos em seu app de relacionamento, o My Assistant, que disponibiliza uma série de serviços, como o envio de lembretes.

Quem também tem uma assistente digital é o Bank of America. O nome dela é Erica e sua função é ajudar os usuários a criar melhores hábitos financeiros – o que pode contribuir para o pagamento de dívidas e a aquisição de serviços.

 

Por que vale a pena investir em um chatbot?

Antes de saber como criar um chatbot, você precisa conhecer as vantagens possíveis para seu negócio. A lista é grande e pode ir ao encontro de algum objetivo estratégico da sua empresa, acompanhe:

• Aumento da disponibilidade da empresa: imagine um serviço de chatbot especializado, eficiente e que está disponível 24 horas por dia, com a mesma agilidade e assertividade. Isso é possível com o chatbot, que pode contribuir para a fidelização do cliente.

• Redução de custos: a novidade também pode otimizar gastos, seja diminuindo a necessidade de investimentos em equipes dedicadas ao atendimento ou liberando profissionais qualificados para atividades mais estratégicas.

• Automatização de processos: além de conferir mais agilidade e eficiência, a automatização contribui para o armazenamento e tratamento de dados de forma mais sistemática. Essas informações são utilizadas para garantir a melhoria contínua desse processo, mas também podem fornecer insights sobre a clientela.

• Personalização do atendimento: chatbots especializados em facilitar serviços podem se apropriar dos dados fornecidos pelo usuário para ajudá-lo a fazer melhores escolhas – que podem se traduzir em aumento nas vendas.

 

Como criar um chatbot em 4 passos

Veja, a seguir, as principais etapas para criar uma estratégia de implantação dos chatbots.

• Responda à pergunta: qual problema preciso resolver?

Crie um grupo de trabalho multidisciplinar para conhecer as dores de todas as áreas, tentando encontrar oportunidades para aplicar o chatbot de forma efetiva e alinhada a seus objetivos estratégicos. Se uma das dores de seu negócio é, por exemplo, a contratação e retenção de talentos, o chatbot pode auxiliar no contato com profissionais qualificados, em plataformas específicas.

• Conheça seu público

Após definir quais as dores do seu negócio, estude e conheça de perto seu público. Essa pesquisa deve incluir informações básicas que irão contribuir no detalhamento da sua estratégia de implementação do chatbot. Esse perfil vai lhe ajudar no momento de definir as respostas mais adequadas, o tom da fala no chatbot e outros detalhes que aumentam a qualificação do serviço. A pesquisa do público também vai subsidiar a escolha dos canais mais adequados de contato.

• Conte com o apoio de uma consultoria especializada

Com essas informações, o próximo passo é contar com o apoio de consultoria especializada, que poderá contribuir para tirar a ideia do papel. Essa empresa também poderá contribuir na aquisição de toda a tecnologia necessária para implantar a novidade.

• Defina KPIs e as acompanhe periodicamente

Após encontrar seu aliado, é importante listar metas claras. Assim, você poderá avaliar de forma mais qualificada como o serviço tem sido recebido pelo seu público. Também será possível saber se a novidade efetivamente tem ajudado a solucionar os problemas prioritários definidos na elaboração da estratégia.

Viu como criar um chatbot de forma estruturada? Além dessa novidade, há diversas oportunidades que podem ser aproveitadas para melhorar ainda mais o atendimento ao cliente.

Nessa empreitada, você pode sair na frente se optar por uma solução ainda mais completa: o Contact Center as a Service da Microcity. A solução proporciona a empresas toda a infraestrutura para a adoção de estratégia focada no atendimento ao cliente de uma forma cada vez mais eficiente e também inclui um chatbot feito sob medida.

Quer saber mais sobre outras tendências?

 

Clique aqui e continue a leitura

 

Assine nossa
newsletter

Ebook
do mês

Blog

Acessar
7 tendências de Contact Center para melhorar a experiência do cliente
Saiba mais
Conheça as principais tendências de Contact Center para os próximos anos
Saiba mais
Saiba como a Microcity pode te ajudar a reduzir custos em Contact Center
Saiba mais
Soluções para Call Center: saiba o que sua empresa precisa
Saiba mais
Fale com a Microcity
Ou ligue para a Microcity (31) 2125.4200. Para contato comercial,
clique aqui.
Importante:
Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Saiba mais acessando nossa politica de privacidade e nossos termos e condições