Fale com um consultor Fale com consultor
Microcity

RH digital: entenda o que é e como funciona essa tendência

RH digital: entenda o que é e como funciona essa tendência

O RH Digital se refere ao processo de inserção de novas tecnologias em processos do setor de recursos humanos. Essas ferramentas tem promovido uma mudança de cultura no segmento, agregando mais inteligência e novas possibilidades às atividades destes profissionais.

 

Os avanços tecnológicos são inegavelmente o maior aliado do progresso nos processos de uma empresa. Diversas áreas puderam se beneficiar das ferramentas fornecidas, e a tecnologia definitivamente é uma das principais engrenagens para o funcionamento e a evolução do mercado.

Com o setor de gestão de pessoas não é diferente. O departamento vem passando por mudanças profundas ao longo dos últimos anos e, hoje, desempenha um papel muito mais ligado à estratégia, dados e inteligência do que há algum tempo. Isso tem uma importância maior do que apenas simplificar processos, mas principalmente promover o poder de inovação e competitividade das organizações como um todo. 

Uma vez que os funcionários não se veem mais tão presos em tarefas burocráticas e maçantes — agora automatizadas —, eles se tornam disponíveis para realizar atividades nas quais suas melhores qualidades são mais bem aproveitadas, como criatividade, análise de dados, estudo de comportamento etc.

O que é e como surgiu o RH Digital?

Todas essas mudanças no setor de Recursos Humanos fazem parte de um contexto resultante da quarta Revolução Industrial — também conhecida como indústria 4.0. Essa é uma expressão que abrange tecnologias para automação e troca de dados e dispõe de conceitos como a internet das coisas, cloud computing, entre outros. O grande centro da quarta Revolução Industrial é a otimização e automação dos processos.

Para entender melhor esse percurso, vamos passar rapidamente pelos estágios do desenvolvimento que nos trouxeram até o RH 4.0:

  • começamos pelo RH 1.0: essa foi a primeira referência de RH. Aqui, o setor cuidava da burocracia entre empresa e funcionário, visando preservar a integridade judicial da empresa em processos de contratação e demissão de acordo com a CLT;
  • em seguida, chegamos no RH 3.0, que não aconteceu há tanto tempo assim. Aqui, o setor de Recursos Humanos trabalha de forma mais digital e conectada, utilizando ferramentas para unir a tecnologia ao capital humano, através de People Analytics e indicadores de desempenho, abandonando apenas a função burocrática e focando em oferecer uma performance voltada para a estratégia;
  • finalmente, o RH 4.0: impulsionado pela transformação digital, esse modelo de RH não apenas lança mão de tecnologias avançadas, mas busca o melhor desempenho possível a partir da combinação entre tecnologia e estratégia, atuando de forma pró-ativa — e preditiva — em vez de somente reativa. O RH passa a fornecer estatísticas e dados em tempo real, essenciais para decisões táticas.

Qual o papel da inovação no RH?

Até há pouco tempo, os Recursos Humanos desempenhavam funções administrativas secundárias dentro das empresas. Com certeza, a tecnologia é uma das protagonistas nessa mudança de posicionamento do setor nas organizações e no mercado. 

Essa postura inovadora do RH traz inúmeros benefícios para a empresa e para os colaboradores, que passam a encontrar mais projetos visando seu bem-estar, satisfação e crescimento profissional, o que resulta em maior produtividade e impactos na atração e retenção de talentos.

Já para a empresa, a maior vantagem é a redução de custos e economia de tempo. Processos que antes consumiam muito tempo da jornada de trabalho dos funcionários, agora são realizados de forma otimizada, possibilitando a conversão desse tempo em atividades que melhor aproveitem o talento desses colaboradores.

Finalmente, a inovação do setor traz a empresa para a vanguarda da inovação, colocando-a sempre na linha de frente da evolução do mercado, ditando tendências e se tornando uma inspiração para outras organizações, o que reflete na sua marca empregadora e cultura organizacional.

Agora que falamos sobre os pontos positivos de um RH digital, precisamos aprofundar na implementação dessa tendência. Continue a leitura e entenda como aplicá-la na sua empresa.

Como implementar o RH digital?

Antes de começar a implantação de um RH digital na sua empresa, é importante lembrar que se trata de um processo complexo, mas cujo objetivo é simplificar. Todas as ferramentas e os conceitos envolvidos requerem treinamento e um tempo para adaptação. Por isso, os seus maiores aliados nesse momento são a paciência e o engajamento. 

Mindset

De nada adianta transbordar o seu RH de ferramentas e conceitos tecnológicos se a mentalidade do setor ainda está presa a uma rotina de burocracia e operacionalidade. A sua primeira missão é nutrir seus funcionários de conteúdos e conhecimentos relacionados à nova era que vocês estão prestes a fazer parte.

Investigação

Agora que o seu time já está com a mentalidade ajustada e pronta para aderir a esse novo modelo de gestão de pessoas, é preciso identificar os principais gargalos do setor e quais as ferramentas que podem ser úteis para resolvê-los. 

Tenha em mente que o objetivo é se livrar de atividades excessivamente burocráticas e operacionais, então o seu foco precisa ser em otimizá-las, visando o aumento da produtividade. Um exemplo disso é o fechamento de folha de pagamento, que ainda é uma tarefa extremamente manual em diversas empresas. 

Uma solução que modernize esse processo, que integre com a gestão de ponto online e que leve em consideração o cálculo de horas extras, banco de horas e o fechamento da folha, pode ser exatamente o que sua corporação precisa para evoluir nessa função.  

Comunicação e engajamento

Para o sucesso dessa estratégia, seu time precisa estar a bordo, afinal todos precisam remar no mesmo sentido. 

Como falamos, num primeiro momento, é possível encontrar resistência por parte de algumas pessoas — seja por um hábito enraizado, seja por desconfiança ou desconhecimento —, mas é necessário investir na comunicação e na paciência até que todos compreendam, se informem e se adaptem às novas diretrizes.

Softwares e ferramentas modernas

Identificados os seus principais gargalos e traçados os planos de ataque, é chegado o momento de agir. Busque por softwares e ferramentas que se proponham a resolver as dificuldades encontradas, peça testes grátis e não tenha medo de pesquisar bastante. 

As opções são muitas (ainda bem!), e isso quer dizer que pode levar um tempinho até que sua empresa encontre a ferramenta ideal que se encaixe com o objetivo delineado para seus processos.

Já sabe como as tendências de TI podem impactar sua gestão?

Inovação

Encontrou as plataformas perfeitas, tudo certo e rodando? Excelente! Mas lembre-se que vivemos na era da tecnologia, sempre haverá novos problemas e soluções mais modernas, desenhadas para resolver contratempos novos e antigos. 

Lembra do mindset que falamos mais cedo? Essa mentalidade precisa ser mantida viva dentro do seu negócio, buscando sempre acompanhar tendências, novidades e sair do status quo. A mudança é uma constante no mundo de hoje e seu time deve se manter atualizado e atento ao mercado.

O RH digital é a via expressa para uma gestão de pessoas direcionada a dados estratégicos e confiáveis. Assim, o profissional tem a oportunidade de desenvolver o seu potencial e demonstrar suas habilidades, quando deixa de estar preso a funções meramente operacionais.

 

*Este artigo foi produzido pelo Tangerino – controle de ponto digital. O aplicativo permite que os colaboradores façam o registro da jornada de trabalho usando apenas um celular, tablet ou computador e oferece diversas facilidades que transformam o RH em uma área estratégica.

Assine nossa
newsletter

    Ebook
    do mês