Microcity

Microcity prevê faturar R$ 100 milhões

A mineira Microcity, sediada no bairro Vila da Serra, em Nova Lima, município da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), pretende ampliar o faturamento em 12% neste ano na comparação com 2014, ultrapassando R$ 100 milhões. A empresa foi fundada em 1984 e é especializada em terceirização de Infraestrutura de Tecnologia da Informação (TI) de lans edesktops.

Segundo o diretor-presidente da empresa, Luis Carlos Nacif, o índice deve ser atribuído a antigas estratégias, que começaram a render frutos neste ano. Entre elas, está o maior investimento na região Nordeste, hoje um dos principais mercados. “O local tem uma característica interessante, pois concentra empresas muito grandes, rentáveis, mas menos conhecidas. Por isso, elas são bem menos assediadas pela concorrência na comparação com aquelas sediadas no Sudeste”, afirma.

Atualmente, a Microcity tem uma carteira formada por 150 clientes ativos. A pulverização dos negócios pelo País fez com que São Paulo se transformasse na principal praça, responsável por 40% dos negócios. Minas Gerais, hoje, gera somente cerca de 15% do faturamento anual total. O crescimento motivou a corporação a inaugurar cinco filiais no País, localizadas em Brasília, Fortaleza, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo.

A empresa não pretende inaugurar nenhum outro escritório neste ano. Nacif, contudo, garante que a Microcity mantém uma rede de parceiros, tanto na área comercial quanto de serviços, capaz de garantir a capilaridade nacional. “Eles estão distribuídos, inclusive, em cidades do interior do Brasil, o que dispensa a abertura de mais filiais ainda em 2015”, explica o diretor-presidente

Alternativas – Para driblar os desafios impostos pela crise financeira, a empresa aposta em três novas ofertas comerciais: Leasing Back, Trade In e Try and Buy. O Leasing Back propõe a compra e o refinanciamento de 70% dos dispositivos dos clientes, como desktopsnotebooks e tablets, pressupondo a substituição de, no mínimo, 30% do parque próprio por ativos imobilizados da Microcity. Com isso, o cliente desmobiliza seus ativos, atualiza o parque próprio e dispõe de orçamento para investimento em outras demandas.

Na oferta Trade In, a Microcity adquire o legado de desktopsnotebooks e tablets, substituindo-os por modelo melhores e mais novos, incluindo serviços de imagem, entrega, ativação, backupdistribuído, entre outros. Na oferta Try and Buy, por sua vez, o cliente mensura a qualidade e os benefícios dos serviços para ativos de rede e de comunicação com serviços de missão crítico, gerenciamento e logísitca. Nesse caso, o cliente tem um mês para desfazer o contrato, sem penalidades rescisórias.

Perspectivas – Para Nacif, 2016 será um ano mais positivo em relação a 2014. “Neste ano, muitas empresas suspenderam o seu planejamento de negócios, esperando qual seria o comportamento da economia. Agora, todos já têm consciência dos desafios que provavelmente continuarão a ser enfrentados no próximo ano, como taxa de juros elevadas e redução do consumo. Com isso, as empresas conseguem se planejar melhor, mesmo em meio a um ambiente desfavorável”, avalia.

Fonte: DIÁRIO DO COMÉRCIO

Fale com a Microcity
Ou entre em contato no Fone: 0800-568-5688. Para contato comercial, clique aqui.
Fale com a Microcity
Ou ligue para a Microcity (31) 2125.4200. Para contato comercial,
clique aqui.