Fale com um consultor Fale com consultor
Microcity

O que é Data Loss Prevention (DLP) e qual a importância na proteção de dados corporativos?

O que é Data Loss Prevention (DLP) e qual a importância na proteção de dados corporativos?

Data Loss Prevention (DLP) é um conjunto de soluções e boas práticas de segurança da informação para detectar e prevenir violações indesejadas de dados corporativos confidenciais. O DLP contribui ainda com melhoria no controle de acessos e possibilita a empresa estar em conformidade com as legislações vigentes de proteção de dados.

 

O nome é auto-explicativo: prevenção de perda de dados. O Data Loss Prevention não é um recurso específico, mas um conjunto de soluções e práticas adotadas para prevenir a perda desse ativo tão precioso para qualquer negócio, os dados.

Uma organização lida com uma infinidade de dados, diariamente, independente do seu setor de atuação. Com a transformação digital, tudo são dados. E protegê-los de serem vazados, roubados ou corrompidos, é fundamental para garantir o bom funcionamento do negócio.

Preparamos esse artigo com as principais informações sobre o DLP e sua relevância para a gestão de TI, para tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e esclarecer por que a sua empresa precisa de uma estratégia de Data Loss Prevention. Acompanhe!

O que é e por que a DLP é importante?

Como o próprio nome sugere, a função da DLP é prevenir que os dados corporativos sejam perdidos ou corrompidos. Isso é feito por meio de um conjunto de soluções de segurança e boas práticas, que propiciam o uso seguro dos dados.

Qualquer empresa armazena e manipula uma grande quantidade de dados diariamente, em suas atividades. Esses dados podem ser sigilosos e sensíveis, como informações cadastrais de clientes ou propriedades intelectuais, informações financeiras ou o arquivo corporativo.

Além de ser exigida por lei – com regulamentações como a LGPD, GDPR, entre outras – a proteção desses dados é fundamental, já que seu vazamento pode resultar em prejuízos gigantescos para o negócio.

Segundo o Cost of a Data Breach Report 2020, o custo médio de uma violação de dados para empresas no Brasil é de $1,12 milhão de dólares americanos. Esse custo é ainda maior a nível global, chegando à média de US$3,86 milhões.

Isso sem falar em questões como a quebra de confiança na empresa, prejudicando sua imagem tanto para clientes quanto para fornecedores, investidores e outros stakeholders. Ou seja, a DLP é uma importante ferramenta para assegurar a compliance e a segurança da TI da empresa.

Como funciona a Data Loss Prevention?

Os dados de uma empresa podem existir em diversos estados e locais diferentes, que são normalmente categorizados em três tipos:

  • Dados em uso – que se encontram ativos em RAM, cache ou em registros de CPU;
  • Dados em movimento – que estão sendo transmitidos através da rede interna, nuvem ou internet;
  • Dados em repouso – que estão armazenados em algum tipo de banco de dados, backup ou qualquer outro sistema de arquivos.

A DLP pesquisa e identifica os dados que precisam estar protegidos e, em seguida, adota medidas para protegê-los. Isso é feito de forma automatizada, por meio de diferentes técnicas de rastreio e correspondência das informações.

Existem quatro tipos principais de soluções de DLP no mercado, sendo eles Endpoint, Rede, Storage e Nuvem. A escolha por um, uma combinação de módulos, ou a implementação de uma DLP por completo vai depender da estratégia de segurança de dados adotada pela empresa.

Endpoint

Essa solução avalia e monitora toda ação realizada em dispositivos removíveis, além de varreduras nas estações de trabalho, impedindo o vazamento intencional ou acidental dos dados.

Esse é considerado um dos módulos mais importantes de DLP, onde estão centralizados os principais recursos de segurança. Isso porque ele atua diretamente no principal meio de vazamento de dados, que é a falha do usuário.

Network

O módulo de rede monitora e rastreia os dados em trânsito, identificando quem os está acessando e para onde estão indo. Ele é ideal para varrer as informações que transitam pelas portas e protocolos da empresa e tem importância ainda maior com a maturidade digital do negócio.

Storage

Esse módulo atua, especificamente, em dados armazenados e compartilhados com quem tem acesso à rede corporativa. Apesar de separados para fins didáticos, é um módulo que se relaciona diretamente com o de cloud, abordado a seguir.

Cloud

A nuvem vem sendo cada dia mais adotada no processo de digitalização das empresas, seja para armazenamento de dados ou qualquer outro recurso da cloud computing. A DLP em nuvem faz a avaliação, monitoramento e prevenção dos dados hospedados em serviços do tipo.

Quais os benefícios do DLP?

É de se esperar que um recurso de segurança da informação seja benéfico para uma organização, dada a importância estratégica da TI para negócios de qualquer segmento. Dentre os ganhos percebidos por um negócio que adota a Data Loss Prevention, podemos citar:

  • Aumento na proteção de dados confidenciais e sensíveis;
  • Automatização da governança corporativa;
  • Ganho em vantagem competitiva;
  • Proteção contra ameaças de IoT;
  • Prevenção quanto ao uso indevido de dados;
  • Melhoria no controle de acessos;
  • Identificação de eventuais invasores;
  • Conformidade com a legislação.

Como implementar a Data Loss Prevention na empresa?

Como toda nova implementação de segurança da informação em uma empresa, as políticas e procedimentos de DLP adotados devem ser embasados na estratégia corporativa de segurança. É necessário que essas políticas e procedimentos sejam planejados como a expressão tática e operacional da estratégia que sua organização desenvolveu.

Essa análise estratégica é o que vai determinar as combinações de regras personalizadas que serão adotadas pela empresa, rastreando dados relevantes ou dignos de proteção.

Isso porque os dados de uma empresa têm pesos diferentes em relação à confidencialidade ou valor, e devem ser tratados de forma diferente. Assim como desembolsar muitos recursos para proteger um dado de acesso público é desperdício, economizar na proteção de dados confidenciais é arriscado.

Por isso, as soluções de DLP devem acompanhar as particularidades da empresa, garantindo a proteção adequada para cada tipo de dado. Uma plataforma abrangente minimiza riscos, protege os dados de ameaças internas e externas e se adapta a alterações que possam afetar a segurança e conformidade dos dados.

Por fim, a escolha dos fornecedores das soluções de DLP ou outros recursos de segurança de dados deve ser feita com cautela, garantindo uma boa visibilidade do que acontece com as informações confidenciais da organização, além de sua proteção e recuperação.

Gostou desse conteúdo? Assine a nossa newsletter e fique por dentro das novidades no mundo da TI e da Segurança da Informação.

Assine nossa
newsletter

    Eu aceito receber mensagens e comunicações desta empresa
    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade

    Ebook
    do mês

      Eu aceito receber mensagens e comunicações desta empresa
      Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade