Monitoramento de transações: o que isso tem a ver com sua empresa?

Garantir a segurança das operações feitas e ainda obter informações valiosas para o crescimento do seu negócio. Essa é a combinação perfeita possibilitada pelos recursos de monitoramento de transações disponíveis hoje no mercado.

Pagamentos feitos por boleto bancário ou cartões de crédito e débito, por exemplo, precisam ser acompanhados com precisão para não ocorrerem falhas que resultem em prejuízos para a empresa.

No post de hoje, você vai saber mais sobre sistemas que vão assegurar a sua tranquilidade e como os dados gerados podem te auxiliar na tomada de decisões acertadas para o negócio.

Acompanhamento de ponta a ponta

Os sistemas de monitoramento de transações acompanham em tempo real todo o processo de pagamento. Esse tipo de operação é vital para o negócio. Por isso, precisa ter todas as etapas acompanhadas para evitar possíveis problemas.

A automatização significa agilidade e efetividade nesses momentos. As transações são rastreadas de ponta a ponta para detectar qualquer tipo de falha desde o primeiro momento em que a venda é realizada.

Mas por que são processos complexos? Porque a transação envolve operações de TI complexas e que exigem informações rápidas e precisas. Além disso, estão envolvidos empresas, clientes, as operadoras de cartão de crédito – caso essa seja a opção de pagamento – e também outros mediadores como as adquirentes, subadquirentes e gateways.  E evitar falhas é essencial para que o cliente não se sinta inseguro ou lesado.

A adquirente é responsável por fazer a liquidação da transação via cartão. Cielo e Rede, por exemplo, são algumas das adquirentes conhecidas. Gateways processam a transação, em outras palavras, efetuam o pagamento. Já os subadquirentes estão entre as adquirentes, lojistas e clientes. Você com certeza já ouviu falar em PagSeguro e PayPal. Elas são uma espécie de facilitadoras das transações.

Ou seja, por mais simples e corriqueira que pareça uma transação, ela não é. São vários “pontos” que precisam ser interligados para evitar, principalmente, erros nos valores que todos têm a receber. O controle te permite ainda negociar melhores taxas com as operadoras de cartões que podem fazer a diferença no fluxo de caixa.

Atenta a essa necessidade, a Microcity, em parceria com a CA Technologies, desenvolveu uma solução que fornece todas as informações de monitoramento em tempo real.

As ações dessa solução estão concentradas em todos os canais de vendas da empresa. Esses canais dependem de infraestrutura de Tecnologia de Informação e Comunicação (TIC) e as ferramentas de acompanhamento precisam estar aptas a detectar possíveis falhas em cada um dos canais.

A solução da Microcity oferece monitoramento para todas as transações realizadas em e-commerce e Pontos de Vendas e fornece ainda indicadores de performance.

Mais segurança e precisão

As vantagens de se adotar o monitoramento de transações são várias, como evitar cobranças indevidas e ainda permitir projeções exatas de ganhos. Abaixo detalhamos os benefícios:

  1. Cobranças indevidas: já imaginou ter que fazer todo o controle de vendas e valores a receber manualmente? Além do tempo que se gasta, as chances de não detectar a tempo uma falha são grandes. O acompanhamento permite que falhas sejam constatadas em tempo real e corrigidas.
  2. Projeções de ganhos: os envolvidos em uma operação são muitos e todos precisam receber seus percentuais sobre cada compra. Por isso, já ter as estimativas corretas facilita todo o fluxo. “A automatização do processo já realiza a estruturação dos dados de forma automática, ágil e prática”, destaca Tamara Fontes, especialista em controle e gestão financeira.

Google monitora anúncios e vendas

Um exemplo de monitoramento de ambiente online é o sistema adotado pelo Google. Matéria do jornal The Washington Post, divulgada pelo jornal Gazeta do Povo, revela que a gigante norte-americana monitora as transações para provar que os anúncios colocados em diferentes sites quando o usuário faz uma busca na internet resultam em compras. Mesmo que sejam feitas nas lojas físicas.

Com isso, o monitoramento de transações permite que o Google traduza em números quantas vendas foram feitas a partir dos anúncios digitais.
Gostou do post de hoje e quer receber mais novidades? Assine a nossa newsletter! Basta acessar o Microcitando, o blog da Microcity, e fazer a sua inscrição.

Interaja nas Redes Sociais Google+ Linkedin Youtube Flickr Microcity Computadores e Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.